• pt-br
  • en

Novidades

Saiba como a atualização digital pode alavancar sua empresa industrial

Publicado em: 28/08/2019

Atualmente, a palavra “inovação” é a chave para se conquistar uma vantagem competitiva organizacional. A era digital tem como princípio a participação ativa das pessoas, sempre trabalhando em conjunto com as novas tecnologias por meio de dispositivos individuais conectados à internet. 

Essa atualização digital é algo extremamente abrangente, que vem modificando nossos modos de pensar, agir e conviver, e isso leva automaticamente a evolução de uma empresa.

Pensando nessa questão, o texto a seguir irá mostrar a importância da atualização digital para as indústrias modernas, evidenciando as suas vantagens e onde elas podem aparecer.

 

No que consiste a atualização digital

Este conceito refere-se ao processo desenvolvido por empresas as quais utilizam a tecnologia como uma maneira de aprimorar o desempenho produtivo, gerando melhores resultados. Ou seja, a tecnologia passa a fazer parte das organizações, alterando-as estruturalmente por dentro.

A digitalização representa as inúmeras mudanças que acontecem dentro das organizações através do uso da tecnologia. Não se trata apenas de utilizar o T.I dentro de uma empresa, mas sim de modificar o andamento de processos por meio das novas tecnologias digitais que estão surgindo. 

Isso inclui o conceito de Big Data (o trabalho feito em cima de dados empresariais obtidos) e outras ferramentas tecnológicas, como a “Internet das Coisas”. Já a digitalização refere-se ao processo que envolve transformar uma informação analógica em uma digital. Isso vem acontecendo com empresas e indústrias que desejam ter uma maior segurança em relação às suas informações.

Assim, uma indústria, fabricante de empilhadeira semi elétrica, por exemplo, pode digitalizar as informações relacionadas com o recebimento de peças de fornecedores, transferindo tais dados para um sistema online. Isso facilita o acesso a esses conteúdos, além de permitir uma maior organização deles, poupando o espaço físico de várias prateleiras.

 

Onde a atualização digital aparece?

Partindo dos conceitos apresentados anteriormente, é necessário entender em quais situações eles podem ser aplicados. Nos dias de hoje, existe uma tendência grande em tornar digital e tecnológico todo processo e atividade que, antes, era feito de uma forma analógica ou manual.

1) A Internet das Coisas

Este conceito tem relação com a conexão que itens do cotidiano conseguem ter com a internet, criando um sistema integrado dentro de empresas.

Para exemplificar essa ideia, é possível pensar em uma fábrica de embalagens de papelão a qual utiliza a “Internet das Coisas” para monitorar a temperatura de máquinas através de sensores conectados à dispositivos móveis como celulares. Com isso, os funcionários dessa indústria conseguem ficar atentos ao andamento do trabalho e a sua segurança.

De um modo geral, a Internet das Coisas possibilita que as indústrias façam o monitoramento e a análise de informações contidas em máquinas, tornando-as mais eficientes e mais sustentáveis. Assim, pode-se usar sensores capazes de informar digitalmente se é necessário contratar um serviço de montagem e manutenção industrial para reparar alguma máquina.

No entanto, existe um problema: como organizar tantas informações digitais?

É para isso que existe a nuvem, onde é possível colocar todos os dados de uma indústria dentro de um sistema único, capaz de integrar os vários setores de uma empresa. Essa integração é essencial para que as máquinas e os elementos produtivos possam atuar em tempo real juntamente a outras estruturas.

Na atualidade, já existem sistemas que realizam a conexão entre as áreas que existem em uma empresa. Dessa maneira, um fabricante de impressão digital adesivo, por exemplo, pode contar um sistema o qual identifica quantos recursos há disponível no estoque. Com isso, caso o número esteja baixo, o sistema já ordena a reposição do estoque para os fornecedores.

2) As máquinas inteligentes

A partir das tecnologias digitais mostradas acima, o maquinário presente dentro das indústrias se torna capaz de adquirir uma produtividade muito mais inteligente e, portanto, eficiente. É como se todos os equipamentos e as partes envolvidas em um processo produtivo adquirissem a forma de um único corpo, podendo ser utilizados tanto nas indústrias quanto em serviços, como é o caso da assistência técnica de inversor de frequência.

Nas indústrias antigas, quando uma das máquinas apresenta algum tipo de falha, todo o processo de produção pode parar. Contudo, as atualizações digitais permitem que seja possível acompanhar a performance do maquinário através de tecnologias as quais mostram a um líder de setor aquilo que ele não pode ver com os olhos. Esse é o caso de problemas que podem estar prestes a surgir.

Ao identificar potenciais defeitos, um funcionário consegue evitar problemas antecipadamente. Nesse sentido, se uma bomba hidráulica, por exemplo, está demonstrando sinais digitais que evidenciam o desgaste em alguma peça, um serviço de manutenção de bomba hidráulica pode ser contratado para que a indústria continue operando e funcionando com eficiência total.

3) O transporte tecnológico

Quando se fala de indústria, não se deve pensar apenas no ambiente interno de uma fábrica, mas também no externo. É pensando nessa questão que o transporte também está aderindo à atualização tecnológica.

Atualmente, já estão sendo desenvolvidos trens inteligentes para a locomoção de grandes cargas. Esses veículos utilizam sensores para medir parâmetros tais como condição da malha ferroviária, eficiência do motor e desempenho do escapamento. Isso permite que esse transporte possa se auto diagnosticar e notificar os operadores a respeito de falhas ou problemas. A vantagem disso é oferecer um transporte mais eficiente, seguro e rápido.

4) A automatização de tarefas

A atualização tecnológica, hoje, está bastante pautada naquilo que se conhece por automação industrial. Este elemento permite que uma série de ações dentro de uma indústria se tornem totalmente automáticos, sem requisitar a necessidade de um funcionário humano. Através da automação, pode-se reduzir intensamente os custos de uma produção, já que o tempo e o dinheiro necessários para realizar tarefas como, por exemplo, a montagem de peças metálicas dentro de fábricas de ferramentaria e usinagem, são reduzidos por meio de um sistema que faz todo o trabalho sozinho.

Tanto o exemplo citado quanto várias indústrias automobilísticas da atualidade utilizam a automatização de tarefas para gerar maior produtividade no seu trabalho. Robôs programados são utilizados para uma série de ações, tais como:

  • Parafusar;
  • Soldar;
  • Transportar;
  • Pintar.

5) A inteligência artificial

Pensando na questão de automatização de tarefas, a inteligência artificial tem como característica principal o fato dela poder agir por conta própria, de acordo com as diretrizes que foram estabelecidas para ela. Outro detalhe importante é que os dispositivos que utilizam inteligência artificial possuem o que se chama de “machine learning” (aprendizado de máquina), uma característica a qual permite que uma ferramenta tecnológica possa fazer conclusões por meio de informações coletadas sem precisar de uma análise feita por humanos.

Todavia, quais são as aplicações da inteligência artificial dentro do ambiente industrial?

Um dos principais usos é a manutenção preditiva de máquina, ou seja, uma manutenção baseada na verificação do estado de algum item. Isso é feito através dos dados e das informações coletadas pelos sensores do maquinário, tornando possível que um software de inteligência artificial consiga antecipar padrões e tendência no desempenho dos equipamentos. Dessa maneira, uma indústria que trabalha com itens elétricos pode prever falhas, acionando a manutenção eletrônica industrial, por exemplo, antes das máquinas apresentarem um problema.

 

A importância da atualização digital

Antes de qualquer coisa, a atualização digital de processos industriais é um trabalho de inovação e, por isso, ele gera um diferencial entre empresas e os seus concorrentes. 

Nos dias atuais, ter um ambiente tecnológico vem colaborando para que uma organização chame a atenção dentro do mercado, já que tecnologia acaba, muitas vezes, sendo vista como sinônimo de desenvolvimento.

O motivo disso é que a atualização digital nada mais é do que uma modernização do que está acontecendo dentro da sociedade. E, ao se manter ligado a um mercado cada vez mais dinâmico, as empresas conseguem acompanhar e até mesmo antecipar as tendências dentro dos mercados.

Essa antecipação permite que uma marca seja capaz de encontrar oportunidades dentro de momentos em que os seus concorrentes ainda estão alheios à tudo. Tudo isso colabora para a aquisição de uma margem de lucro mais ampla.

Tendo em vista todas as informações transmitidas no texto acima, verifica-se que a atualização digital dentro das indústrias já é, praticamente, uma obrigação. É através das inovações tecnológicas que uma organização é capaz de conquistar uma potencialização nos seus lucros, somada com a redução nos custos e nos desperdícios financeiros e de tempo. 

Todavia, é preciso ficar atento pois, tratando-se de inovações tecnológicas, as indústrias devem perceber todas as novidades que vão surgindo dentro da sociedade.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

compartilhe: